Cadastre-se para receber novidades
Artigos » Eventos » Eventos Sub » Artigos » Homenagem a Dom Sinésio! - Dom...
A↑AA↓

Homenagem a Dom Sinésio! - Dom Canísio Klaus

Por: Família Missionária

Neste domingo, dia 5 de agosto, a Diocese de Santa Cruz do Sul vai homenagear seu bispo emérito, Dom Sinésio Bohn, pelos 50 anos de vida sacerdotal. Dom Sinésio nasceu no dia 11 de setembro de 1934, em Linha Bonita, município de Montenegro. Foi ordenado padre no dia 23 de dezembro de 1961 em Roma, onde cursou Teologia e Direito Canônico.

Conheci Dom Sinésio quando ingressei no Seminário Maior de Viamão, em 1976. Na época, ele era orientador e assistente espiritual dos seminaristas maiores da Arquidiocese de Porto Alegre. Tive a alegria de acompanhar sua ordenação episcopal em setembro de 1977 na capela do Seminário de Viamão. Como bispo, Dom Sinésio trabalhou na arquidiocese de Brasília e na Diocese de Novo Hamburgo, antes de vir para Santa Cruz do Sul, em 1986. Em 2010, coube a mim substituí-lo no pastoreio do povo de Deus desta Diocese, oportunidade em que Dom Sinésio, na condição de bispo emérito de Santa Cruz do Sul, optou por residir na Casa Amparo Fraterno. Os anos de convivência com Dom Sinésio levaram-me a admirar sua bondade, capacidade intuitiva e humildade.

Durante muitos anos ele foi o bispo referencial da Pastoral da Juventude junto à CNBB. Outros tantos anos foi o bispo da Pastoral Operária e do Ecumenismo. Idealizou a Diocese a partir de quatro grandes centros: o Centro Diocesano das Vocações, o Centro Diocesano da Juventude, o Centro Diocesano de Formação Pastoral e Teológica e o Centro Diocesano do Mundo do Trabalho. Por falta de estrutura, os centros não prosperaram tanto quanto era o desejo do Bispo. A caridade e o desapego dos bens materiais são distintivos de Dom Sinésio. Distribui os seus proventos para as pessoas que o procuram alegando alguma necessidade pessoal.

Por causa disso, os anos de trabalho não lhe renderam bens materiais e nem dinheiro na poupança. Costuma dizer que sua poupança é a providência divina. Ao substituí-lo no episcopado de Santa Cruz do Sul em julho de 2010, Dom Sinésio se colocou inteiramente a minha disposição para o serviço da Diocese. Sempre que solicitado para algum trabalho específico, posso contar com ele.

Em muitas ocasiões me substituiu nas celebrações de crisma e em comemorações especiais onde não pude me fazer presente por falta de agenda. Sua saúde, graças a Deus, vai bem, e sua presença na Casa Amparo Fraterno sinaliza para o digno atendimento dos padres idosos da nossa Diocese. Por ocasião das comemorações do jubileu de ouro de sua ordenação sacerdotal queremos cumprimentar Dom Sinésio de forma pública, agradecendo-lhe por todo o bem realizado em favor do povo diocesano e desejando-lhe muitas graças e bênçãos do Pai do Céu. Que Maria Santíssima, a mãe dos sacerdotes, e São João Maria Vianey, o padroeiro dos padres diocesanos, o amparem. Obrigado por tudo. Parabéns!

voltar

© Todos direitos reservados - Familia Missionária. design by ideia on