Cadastre-se para receber novidades
Artigos » Eventos » Eventos Sub » Artigos » E Maria disse sim - Pe. Virgíl...
A↑AA↓

E Maria disse sim - Pe. Virgílio,SSP

Por: Família Missionária

Eva disse "não" a Deus e se viu nua e despojada de sua beleza. Maria disse "sim" a Deus e se viu grávida de Cristo. E nós, toda vez que dissermos "não" à palavra de Deus, toda vez que virarmos as costas ao amor e nos entregarmos ao egoísmo, acabamos ficando nus, bem à semelhança de Adão e Eva. 

Acabamos sendo despojados da glória de amigos de Deus, desapossados de nossa herança de filhos do Reino, espoliados de nossa dignidade de remidos pelo sangue de Cristo. 

Ficamos nus bem no meio de uma estrada. E é justamente nessa hora que nos damos ao trabalho de entrelaçar folhas de figueira a fim de encobrimos nossa vergonha, disfarçarmos nossa nudez, tapearmos nossa miséria de fugitivos de Deus. 

A corrida desenfreada para o poder e a riqueza, para o prazer e o interesse pessoal, para a bebida e a droga: são essas as "folhas de figueira" com que tentamos nos enfeitar, como substitutivos da aliança com Deus... 

Mas na hora em que buscarmos a Deus em nossa vida e na hora que dissermos nosso "sim" a seus planos de amor e salvação – eis que nós, à semelhança de Maria, ficamos como que "grávidos de Deus", revestidos de sua riqueza, portadores de sua presença, geradores de vida nova e apóstolos do verdadeiro amor. 

Com seu "sim" a Deus e a todos nós, seus irmãos e irmãs, Maria nos leva a entender que ainda é possível derrotar o mal e endireitar os caminhos que nossa insensatez tornou impraticáveis. 

E se a realidade que nossos olhos contemplam é para além de feia, mudemos tal realidade! Mas se mudar a realidade nos parece tarefa dura demais, troquemos nossos olhos – e olhemos para ela com os olhos de Deus e do ponto de vista de Deus. 

Então, assim como Maria, iremos descobrir que vale a pena dizer "sim" ao amor e ao serviço, ao perdão e à ajuda fraterna. É só assim que a realidade ficará mais bela: pouco importando se isso nos custe o sacrifício de nossa própria vida! 

Transcrito de "A Mãe do Meu Senhor", Pe. Virgílio, SSP, páginas 49 a 51 – Editora Paulus, São Paulo, SP, 2001

voltar

© Todos direitos reservados - Familia Missionária. design by ideia on