Cadastre-se para receber novidades
Artigos » Eventos » Eventos Sub » Artigos » A Oração do Pai nosso e os man...
A↑AA↓

A Oração do Pai nosso e os mandamentos da lei de Deus - Pe. José Florêncio B. Melon

Por: Família Missionária

Com o objetivo de repassar junto à comunidade os conhecimentos básicos que temos da Igreja Católica Apostólica Romana, o Pe. José Florêncio iniciou na noite desta quinta-feira, mais um programa de formação aberto a toda comunidade da Paróquia São Carlos Borromeu. Na semana em que a igreja celebrou a Festa de Pentecostes, ele enfatizou o desejo de que estes encontros de formação marquem uma nova etapa de espiritualidade no dia a dia da vida de cada participante. Todos foram convidados a viver, primeiramente na família, as coisas novas que aprendemos neste primeiro encontro, uma proposta de estudo – conhecimento e vivência.
 

O tema escolhido foi a oração do Pai-Nosso. Dividida em sete frases, a oração foi passo a passo comentada pelo palestrante, após a introdução do título.
Pai- Nosso que estais no Céu.
 

Pe. José enfatizou que devemos ter sempre em mente a importância da figura do Deus que é PAI na nossa vida. Um pai bom, amoroso, paizinho, pai Todo Poderoso, ninguém pode mais que Ele.  Mesmo quem não tenha a imagem de um pai bom aqui na terra, deve procurar ter como imagem do pai, a da melhor pessoa que conheça. Pai que cuida, que se importa e que ama a cada filho. Deus, o dono do mundo, é meu pai. Conhece-nos desde a eternidade. Deus é o pai que quer ver seus filhos felizes, como nos ensina Jesus no texto das Bem aventuranças.
Mas principalmente, Deus é Amor (1Jo 4, 8); e nos seus filhos fomos criados a sua imagem para amar e ser amados. O amor é um dom que ao contrário da lógica matemática quando se doa se aumenta. Por isso Deus é pai nosso, seu amor não diminui ao ser partilhado com todos os filhos. Quem ama vai procurando amar cada vez mais e vai sendo cada vez mais capaz de fazê-lo. E continuamos... que estais no Céu. Isto nos lembra a dimensão de eternidade de nosso Deus, da sua grandeza... sendo tão grande é um Deus tão amoroso...
1 - Seja Santificado o Teu nome.
Vemos que o primeiro pedido do pai nosso é que o nome de Deus seja respeitado. O nome de Deus é sagrado. Podemos ver isso também nos mandamentos. O segundo mandamento diz: “Não dizer o santo nome de Deus em vão”. Só Deus é Deus, como nos lembra o livro do Êxodo 3,14. No diálogo com Moisés, quando este lhe pergunta sobre o seu nome, o Senhor responde: “Eu sou”. Porque Deus é ele mesmo, é criador, é santo; deve ser respeitado. Por isso também deve ser respeitado todo ser humano, porque foi criado a imagem e semelhança de Deus. Aí também se fundamenta o respeito à vida de toda pessoa, tanto por ser pessoa quanto por ser criada a imagem de Deus, como nos recorda o quinto mandamento da Lei de Deus: “Não matar”.
2 - Venha a nós o Teu reino.
O reino são valores. Quando rezamos o Pai Nosso devemos pedir a Deus que venham para nós os valores do seu reino. No missal romano no prefácio da missa de Cristo Rei estão enumerados os valores do Reino de Deus. Reino da Verdade e da Vida, da Santidade e da Graça, da Justiça, do Amor e da Paz. O Reino de Deus é eterno e universal. Aliás, o adjetivo de Católica da nossa igreja quer dizer isso, universal; ou seja, aberta a todos.
3 - Seja feita a vossa Vontade.
Aqui a palavra chave é Vontade: Fazer sempre a vontade de Deus. Que significa isso? Significa que eu me deixe conduzir por seu Espírito. Significa atitude de entrega, de serviço, de escuta...  Para fazer a vontade de Deus, tenho que estar atento ao que Ele me fala.
4 - Dai-nos hoje o pão de cada dia.
Por “pão” devemos entender tudo que necessitamos para viver, tanto material quanto espiritualmente. Dai-nos todo o necessário para viver bem este dia. Quantos imprevistos aparecem no nosso dia a dia que não prevíamos... quantas coisas necessitamos para viver e de que nem nos damos conta: o ar, o sol, a comida, a roupa, o carinho...
5 - Perdoai nossas ofensas como nós perdoamos a quem nos ofendeu.
Perdão e amor são duas caras da mesma moeda. O Perdão é a maior exigência do Cristão. E costuma ser a maior pedra no sapato de todo mundo. Quem é capaz de perdoar supera geralmente todos os males. Para isso temos o sacramento da misericórdia. Talvez o sacramento mais bonito e o pior compreendido. MISERICORDIA (o encontro ente a miséria - fraqueza humana e o Coração Amoroso de Jesus).
6 - Não nos deixeis cair em tentação.
Devemos ter consciência de nossa fragilidade, somos fracos e muito tentados. Hoje por exemplo com as tecnologias da informática aumentaram muito as tentações da sensualidade. Mas isto não é novo, já no decálogo dos mandamentos temos dois deles referidos a este tema, o sexto e o nono mandamento.
 7 - Livrai-nos do mal.
 

Como somos fracos e conscientes de nossas tentações, não só pedimos a ajuda de Deus, mas também que nos livre do mal. Que nos tire da situação de pecado, nos resgate. Deus já faz isso quando estamos em situação que nos prejudica.
Observação/ Compromisso: Fomos convidados a fazer o propósito de rezar pelo menos um Pai Nosso todos os dias, bem rezado. Que bom seria poder rezar em família. Rezar com os filhos. Quem tem filhos pequenos, tem a possibilidade de ensiná-los a adquirir este costume. Quem tenha já filhos maiores que tente descobrir a maneira de conscientizá-los sobre a importância de rezar e mais ainda da importância de Deus. Procuremos rezar meditando, pensando no sentido de cada frase da oração que Jesus nos ensinou. Essa oração é eficaz e agradável a Deus, pois foi feita pelo seu próprio Filho.
 

Noite de Formação com Pe. José Florêncio B. Melon , OSA
Paróquia São Carlos Borromeu – Maio/2011
Resumo de Cristina Arraes

 

 

voltar

© Todos direitos reservados - Familia Missionária. design by ideia on